Falcoaria Real de Salvaterra de Magos recebeu Prova Nuno Sepúlveda Velloso 2023

05
dez
A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos assinalou no dia 1 de dezembro o 7º aniversário do reconhecimento pela UNESCO da prática da Falcoaria em Portugal como Património Cultural Imaterial da Humanidade.
 
No âmbito desta comemoração decorreu a prova de falcoaria Nuno Sepúlveda Velloso, que contou com a participação de 25 falcoeiros nacionais e internacionais.
 
A atividade juntou 48 aves de presa de diferentes espécies que participaram na prova em diferentes categorias: alto voo, baixo voo e pequenas aves.
 
Os resultados foram os seguintes:
 
Alto voo:
1- Rui Lima
2- Diego Pareja
3- Hugo Sousa
 
Pequenas aves:
1- Nuno Garcia
2- Evaristo
3- Nazario
 
Baixo voo com açor:
1- Pedro San Juan
2- Daniel Xavier
3- Pedro San Juan
 
Baixo voo Harris:
1- Henrique Sanchez
2- Manuel Coelho
3- Vítor Salvador
 
Também no âmbito do 7º Aniversário, na Galeria de Exposições da Falcoaria Real teve lugar a abertura da exposição de ilustração “Aves de Rapina” de Frederick Pallinger.
 
A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos liderou a candidatura da prática da Falcoaria como Património Cultural Imaterial da Humanidade, juntamente com a Universidade de Évora e a Associação Portuguesa de Falcoaria, tendo conseguido o reconhecimento da UNESCO a 1 de dezembro de 2016, em Adis Abeba, Etiópia.
 

 

Universidade de Évora Associação Portuguesa de Falcoaria Património Cultural - DGPC Município de Salvaterra de magos República Portuguesa - Cultura
Por favor aguarde...
x